quarta-feira, 13 de abril de 2011

O PT aprendeu!!!




Durante anos o Partido dos Trabalhadores foi visto como um partido que reunia pessoas consideradas “subversivas”, esquerdistas radicais, de diferentes tendências e formas de pensar sobre os rumos que o país deveria tomar. Estas pessoas acreditavam na discussão política/ideológica como forma de se chegar a uma decisão final. Era praticamente impossível aceitar uma determinação ou ordem sem uma boa discussão ou uma boa “briga”. O interessante era que naquela época sempre ouvia algumas pessoas dizendo: “Como um partido desse vai governar um país? Ou um Estado? Ou um Município? Eles nem unidos são”. Essa idéia era um senso comum nos corredores direitistas e conservadores. Pois é, mas esse questionamento centralizador e linear não deixou espaço para uma percepção importante: “O mundo é dinâmico, a sociedade esta em constante movimento e transformação e os partidos políticos como parte dessa sociedade, também, se movimenta e se transforma”. E foi isso que aconteceu com o PT. Eles primeiro perceberam que deveriam mudar essa imagem “radical” e de “desunião” do partido. Visualizaram também que a nossa sociedade não estava preparada para sua ideologia revolucionária e comunista. Então, como desejavam o poder (todos os partidos desejam) começaram uma profunda transformação nas estruturas do partido. Alguns foram expulsos, outros pediram para sair, outros se remodelaram e se contextualizaram ao novo modelo, enfim, a mudança foi feita e o poder chegou.

O PT se adaptou e não é mais o mesmo, isso é fato. Ele agora esta mais social democrata - centro (e alguns ainda falam do DEM como demônios). Mas uma coisa é verdade. O PT fez o melhor governo que esse país já teve até hoje. Foi mais povo, olhou mais para o povo. Pensou em todas as regiões desse país continental e agiu. Não conseguiu diminuir uma série de problemas, mas segue um caminho diferente dos presidentes e partidos anteriores. É certo que a elite continua ganhando muito, que as grandes fortunas ainda não são tributadas como deveriam, que a reforma fiscal e política é uma necessidade alarmante e que ainda temos muita miséria e violência. Mas se fomos parar e refletir vamos concluir que pensar um país capitalista sem uma elite ganhando é impossível. Então meus amigos, a conclusão é que o PT aprendeu a se manter no poder, aprendeu a ser direita quando é necessário ser direita e fez uma coisa nunca vista na história desse país (Eita Lula...rsrsrs)...A diplomacia...conversou com todo mundo, com todos os setores e deixou para os direitistas conservadores a imagem do autoritarismo e do coronelismo.

Nenhum comentário: